Parte Técnica Nossos links de referência: Tiago Reis, com o seu Rotas Capixabas Um relato do Mochileiros, muito bom, do Rafael Freitas, que me ajudou inclusive através de mensagens via Facebook. E o link oficial do Parque, claro:

Considerando o estradão do dia anterior, conseguimos, sem muito esforço, convencer o Ogro a pagar o bus para nos levar até a Hidrelétrica, (S/10,00 cada um) economizando assim uma pernada de 14 km e pelo menos 2:30 hs, o que no nosso caso seria certamente umas 4:00 hs, porque a partir daqui, seria a, Read More

 Depois do chá de coca na barraca, mesma coisa, guardar os sleepings bags, isolantes, trocar de roupa e desayuno, dessa vez com omelete, salada uma aveia já previamente preparada para misturar com café ou chocolate. Aqui foi o ponto onde nos despedimos do arriero, Alex, e não obrigatório, mas vale a propina-gorjeta, de praxe.

O ponto alto da Trilha- O encontro com a Montanha Selvagem O Alex veio nos acordar com a garrafa térmica de água quente e o folhas de coca. Depois de previamente aquecidos pelo chá, bem importante para que ainda mantivéssemos o calor do sleeping bag, juntamos nossa tralha e descemos para o desayuno, que, Read More

O pessoal da agência veio nos buscar às 5:30 hs, com o Fredi para apresentar o guia  Osgel Guevara e o chef Roberto. O Fredi saltaria logo nos deixando na van que seguiu para Mollepata, a 90 km de Cusco, numa estradinha sinuosa que para variar a Júlia teve que dar uma paradinha antes do, Read More

Parte técnica (Chato, mas necessário) A idéia inicial (e como ela se modificou até o final) Ventilamos a possibilidade de visitar o Peru (a primeira coisa que vêm a mente: Trilha Inca, Machu Picchu, clichê) há cerca de um ano e meio em uma viagem (para variar), e entre assombros e comentários de alguns, Read More

A cada feriado que se aproxima, recebemos pedidos de sugestões de destinos e fico fazendo um levantamento “meio rápido”, puxando da memória e sempre acho que fica faltando alguma coisa… Resolvi fazer este post , que pretendo virar uma página (sempre em constante construção, espero!) para facilitar a minha vida e principalmente daqueles que, Read More

No dia seguinte, café da manhã com bisnaguinha, bolo, queijo branco, manteiga, leite, café e achocolatado. Dei o recado para o Tião do Zé Milton, da MW que provavelmente na semana seguinte, ele estaria por lá com um grupo (daí também pude comprovar que os recados chegam assim, através de outros viajantes, ou como, Read More