Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Crickhowell- País de Gales

Viagem feita em julho de 2015

Em Gilwern, aos domingos, não há transporte coletivo. Para não ficarmos lá morgando, porque o lugar, apesar de ser uma gracinha, é um pequeno vilarejo e não têm muita coisa para fazer. Decidimos então passear pelo  Canal de Monmouthshire. 

Passamos na vendinha local, a Spar  (que serviu como base para nossas perguntas turísticas) para comprar sanduíches e bebidas para o passeio do dia e o gentil senhor que se transformou no nosso guia turístico local, perguntou sobre o passeio para Pontneddfechan , feito no dia anterior e deu a dica de seguir o canal até Llangattock e depois seguir para Crickhowell.

E foi isso que resolvemos fazer.

Saímos pela estrada principal de Gilwern, e logo à direita, numa pequena descidinha, começamos nossa caminhada pelo canal.

É passeio local, como eu falei. Famílias, casais, gente levando o cachorro para passear, bem tranquilo. Muita gente aluga barcos para navegar pelo canal e curtir o dia. E estava um lindo dia, com um céu azul e calor!!

E tinha uma sequóia no caminho

Os quintais das casas saem no Monmouthshire & Brecon Canal

O caminho é plano, super tranquilo, árvores enormes em alguns trechos, até uma sequóia !!!  Por isso é bem sombreado. E ao longo do trajeto, as inúmeras pontes dão o ar do diferente. É algo que não temos por aqui. Os fundos das casas dão para o Mon & Brec Canal, como eles chamam, fazendo parte do quintal deles. Isso que é ostentação!!!

Morrendo no banco na chegada à Llangatock

O senhor da Spar tinha avisado a gente que era para procurar a plaquinha para a igreja em Llangattock, na ponte 115 e sair por lá. Foi o que fizemos. Logo na nossa frente achamos a placa para Crickhowell, que ficaria a uma milha de distância.  Paramos num dos inúmeros bancos do caminho para lanchar e descansar um pouquinho.

Vi depois que andamos cerca de 4 milhas, ou seja quase 6 quilômetros. E o mesmo trajeto para a volta. Caminhamos e paramos inúmeras vezes para ver e fotografar as mimosas casas, bem enfeitadas, os gramados lindos e bem cuidados e a ponte que leva para Crickhowell.

Na cidade, andamos pela cidade, bem pequenininha, chegamos até as ruínas do Castelo de Crickhowell.

Retirando daqui:http://www.castlewales.com/crickhwl.html… e daqui:http://www.webbscrickhowell.com/Crickhowell-History:  ” O Castelo de  Crickhowell, também conhecido como castelo de Alisby, fica no alto da cidade e ocupa um ponto de vista privilegiada com vistas ao longo do vale do rio  Usk. Provavelmente construído pela família Turberville no século XII, reforçado em pedra a partir de 1242, e reforçado no comando real do novo Rei Henrique IV em 1400. Foi  completamente destruído no início do século XV pelas forças de Owain Glyndŵr, que também atacaram e incendiaram a cidade de Abergavenny e outros assentamentos na área. A torre dupla de pedra destruída ainda está no Castelo, no centro da cidade de Crickhowell.

Continuamos andando pela tranquila e bela cidadezinha e paramos para tomar um sorvete no Pavlova .

O café e sorveteria Pavlova, Crickhowell- País de Gales

Um lugarzinho escondido, bem aconchegante e perfeito para uma pausa.

Bridge End Inn, em Crickhowell, País de Gales

Visto praticamente a cidade toda, paramos nos jardins do Bridge End Inn . Ficamos lá tomando uma cerveja, como os locais, naquele sol gostoso e vendo o pessoal se divertindo no River Usk.

Um dos muitos Public Footpath

Na hora de voltar, pegamos um outro caminho e fomos passando pelos public footpath, bem comuns por esta região que eu conto melhor aqui https://pages.hotmart.com/n3794995o/glastonbury-guia-basico/.

Passamos por igrejas seculares, uma fonte de 1881 para abastecer os cantis, gramados verdes imensos, bem cuidados, bem aparados, jardins lindos, floridos, sem nenhum lixo no chão e o mesmo caminho pelo canal novamente.

A fonte de 1881, em Llangatock

A luz e o contraste entre sombras enormes das árvores, das pontes, da água escura do canal faz a gente parar para fotografar ou mesmo ficar observando o cenário. Não é um caminho para se fazer com pressa.

Voltamos para Gilwern para jantar na nossa casinha, cansados mas bem felizes por este passeio local e pitoresco.

Para quando você for

Sites da cidade:

http://www.breconbeacons.org/crickhowell

http://www.visitcrickhowell.co.uk/

Mapa:

https://canalrivertrust.org.uk/media/original/24115-monmouthshire-and-brecon-canal-map-english.pdf

Passeios ao redor

-Balenavon: Cidade Patrimônio Mundial da Unesco e a Big Pit Mine

-Tretower: Normal Castle, uma mansão medieval

-Llangorse Lade: Passeios de barco, fauna e flora local, em estado selvagem e história

-Llanthony Priory: Magnífica ruína do período Augustiniano do Século XIII.

Em março, acontece o Crickhowell Walking Festival , são 9 dias de caminhadas guiadas e eventos ao redor de  Crickhowell e as Black Mountain.

Share this:
Share this page via Email Share this page via Stumble Upon Share this page via Digg this Share this page via Facebook Share this page via Twitter

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *