Wet’n Wild Orlando

Wet’n Wild

          Mais um parque para a nossa coleção de parques aquáticos em Orlando. Como já havíamos visitado os obrigatórios, pegamos um dia de sol (aliás, um dos únicos dias quentes que pegamos dessa última vez), sabadão, para aproveitar o sol e descansar um pouco da maratona parques.

 Horário do Parque

            Acesse aqui:

            Os horários são bastante móveis dependendo da época do ano.

 Endereço

6200 International Drive 
Orlando, FL 32819 
Tel: (407) 351-1800 or (800) 992-WILD 
Fax: (407) 363-1147 
Email: info@wetnwildorlando.com 

A prainha, Surf Lagoon

 Surf Lagoon

            Começamos nossa visita com aquela piscina grande, característica dos parques aquáticos, perfeito para um aquecimento, com ondas grandes que são sinalizadas por sirenes. Na área, boias grandes para você brincar.

            Não existe altura mínima requerida.

 DSC05302

 

The Blast     

Classificada como Group thrills.

Você vai naqueles tobogãs com boias duplas e para crianças de 0,90 a 1,20 m é necessário estar com um adulto.

É bem suave, gostoso.

 The Flyer

Também é  uma Group thrills.

Você pega uma boia que cabem quatro pessoas e desliza por um tobogã aberto. Também é bem legal, nesses com boia e em grupo eu me arrisco a andar.

Também é necessário o acompanhamento de um adulto para crianças de 0,90 a 1,20 m.

DSC05309

A mesma entrada, para o Surge e Disco H2O

 The Surge

Outra Group thrills.

Nessa aqui, você sobe, sobe, sobe, e pega a boia lá em cima, que chega de elevador.

Como a descida é feita em uma boia com quatro lugares, um menininho inglês, super simpático pegou carona conosco, para descer os 600 pés de curvas com uma inclinação suave. Mesma coisa, acompanhar as crianças de 0,90 a 1,20 m.

 DSC05314

Disco H2O

Mais uma do tipo Group thrills.

Também ocorre em uma boia com quatro lugares e a entrada é a mesma do The Surge.

Só que a diferença aqui, é que você fica dentro de um enorme círculo, todo colorido e fechado, e depois de rodar, rodar, escorrega para a saída. Mesma recomendação para as crianças.

 DSC05316

 

The Black Hole

Adivinha… outra do Group thrills.

Mas quer saber? Acho que foi o Parque Aquático que eu mais brinquei, porque têm muitos desses brinquedos de boia e de grupo, então eu ( já confessei né) que não sei nadar, me diverti bastante.

Nesse a descida é feita em boia dupla, e você antes de começar a serpentear pela descida, fica rodando, dentro do que parece uma imensa caixa d’água, detalhe, tudo no mais completo escuro.

Neste brinquedo, a altura mínima necessária é de 1,20 m.

 DSC05320

 

Brain Wash

 Group thrills

Nessa, eu pulei, já tinha quebrado meu recorde em brinquedos em parque aquático, foram só os dois.

A Júlia contou que é bem legal, você vai de boia também, numa queda de 16 metros, que termina depois num túnel fechado e parecendo um funil.

Altura mínima necessária de 1,20 m.

 DSC05327

 

Aqua Drag Racer

Chegamos aqui numa das Super thrills:

            Lógico, que nesses que vão só com aquela borracha de EVA, nem pensar em ir. Acho que eu enfartava na hora da descida. Só para os dois mesmo.

            É uma corrida de quatro pistas, que começa lá em cima, há quase 20 m de altura, acelerando e termina naquelas pistas rasinhas, compriiidas, só para ter a ideia da velocidade que você está descendo.

            A altura mínima aqui é de 1,30 m.

 DSC05319

 DSC05336DSC05337 Bomb Bay

Acho que esta é a Super thrills mais radical do parque.

Você sobe uma altura de um prédio de 6 andares, e entra numa cabinezinha individual e segue as instruções, cruzando os braços na altura do seu peito.

O instrutor pergunta se está tudo bem, você diz que sim e eles contam:

-“three, two, one….”

E pluft, o seu chão é puxado e você despenca quase em vertical lá de cima.

Bom, não preciso dizer que nesse foi só o Ogro.

E o mais legal: tem uma câmera filmando tudo e passando em tempo real lá em baixo, então a gente assistiu tudo, desde ele entrando na cabine até a saída do piso.

Altura mínima: 1,30 m.

 DSC05328

Storm

Super thrills

Também, é só você sem boia de EVA nem nada.

É daqueles brinquedos que o povo chama de “privada”, desce por um tubo comprido, para pegar velocidade, gira, gira dentro daquele tambor e cai num tanque deposi, para poder sair pela piscina. A Júlia disse que quase se afogou, porque ficava caindo água para todo lado e ela perdeu o senso de direção, não sabia se era para subir ou descer. Imagina a minha aflição, só de pensar. Credo!!!

DSC05331

Cabana Area

            Enquanto os dois se esbaldavam nas super thrills, fui dar uma espiadinha na área das cabanas. Como em outros parques, uma área coberta, mais isolada, coberta, com mesinha, cadeira e espreguiçadeiras. Fica numa “ilha”, circundado pelo Lazy River, com acesso por uma pequena ponte de madeira.

            Faz parte dos extras do parque, você tem que reservar e comprar a parte.

 DSC05334

Lazy River

            Terminamos nossa visita a este parque numa descansada naqueles rios clássicos, de correnteza suave, flutuando em cima daquelas boias gigantes.

            Aqui todas as crianças com menos de 1,30 m precisam usar coletes.

            Quase foi meu caso…hehehe

Share this:
Share this page via Email Share this page via Stumble Upon Share this page via Digg this Share this page via Facebook Share this page via Twitter

One Comment on “Wet’n Wild Orlando

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *