Buenos Aires- Rio Tigre

 

       Este passeio veio como um bônus, não estava no nosso roteiro, mas depois de conversarmos com um taxista que nos levou para o Shopping Abasto e falamos da nossa pretensão em conhecer o Puerto Madero, ele disse que o passeio para o Rio Tigre seria muito mais bonito e proveitoso. Além disso, nosso hostess do apartamento  que alugamos em Recoleta nos indicou com bastante insistência o passeio. E vimos também o post da Janína Calaça, com o seu Jeguiando  e decidimos definitivamente trocar o porto pelo passeio pelo Rio Tigre.

A estação de Retiro

A estação de Retiro

       Tomamos um café porteño na esquina “de casa” no Stazione Café Gourmet , para experimentar pelo menos uma vez, perguntamos no café mesmo e como havia lido no post da Jana, resolvemos ir de trem mesmo. Pegamos um táxi na frente do café, por PAR$30,00 até Retiro. E depois, como tínhamos ainda o bilhete do Sube, foi bem fácil pegar o trem e seguir para Tigre, sim, é outro município, vizinho a Buenos Aires, cerca de 35 km.

Retirando daqui: Buenos Aires Turismo

            Você pode chegar:

 De Trem:

-A cidade de Tigre tem duas estações ferroviárias: Tigre e Delta.

Opção 1: Retiro – Tigre (serviço de linha Mitre TBA)

Os trens partem da Estação Retiro, plataformas de linha Mitre 1 ou 2. Dias úteis, a frequência dos serviços é cada dez minutos até meia-noite, enquanto nos finais de semana os trens a cada 30 minutos. A viagem de Retiro de Tigre leva cerca de 50 minutos.

Opção 2: Retiro – Delta (serviço de linha Mitre TBA + Trem da Costa)

Outra alternativa é pegar na linha Mitre em Estação Retiro, geralmente a partir de plataformas de 3 ou 4, o trem com destino a estação Mitre onde você pode fazer a conexão com o Trem da Costa. Uma vez que você chega na estação de atravessar a ponte, localizada na Avenida Maipú, o que leva à estação de Maipú de Tren de la Costa.

Nota: manter seu bilhete até sair da estação de chegada

A estação de trem em Tigre

A estação de trem em Tigre

 De ônibus:

A linha de ônibus 60 viaja para a cidade de Tigre e tem várias paragens ao longo da Cidade de Buenos Aires. Demora cerca de uma hora e meia para chegar ao Tigre. Algumas atrações e pontos turísticos que você pode visitar em Tigre que vimos do site acima:

Passeio Victoria

      Este circuito oferece várias opções para quem vem pela primeira vez no bairro de Tigre. A caminhada começa na costa do rio Luján, que nos permite observar vários clubes de remo, a estação fluvial e do edifício Yacht Club. El paseo es por la costa del río Tigre y Luján. O passeio é ao longo da costa do Rio Tigre e Luján. Tem restaurantes, bares, excelentes vistas e belos jardins.

Endereço: Paseo Victoria 602. Tigre

Horário: de segunda a sexta das 8:30 às 17:30 hs.

Sábados, domingos e feriados 10:30-18:30 hs.

Museu Naval

     No passeio Victorica você pode acessar o Museu Naval, uma instituição dedicada a proteger e salvaguardar os patrimônios da marinha de Argentina, preservando uma parte das armas usadas ao longo das eras, modelos de barcos e alguns elementos da Guerra das Malvinas.

       Nós tivemos sorte, pegamos o trem saindo e desembarcamos na estação de Tigre realmente cerca de 1 hora depois. Até o passeio de trem é bacana, porque você consegue ver claramente a passagem da metrópole para o subúrbio, e aos poucos, para uma área mais afastada, quase interior, e desembarcar em Tigre, é como se você estivesse totalmente fora de Buenos Aires. Bom, e está mesmo…

Bilheterias para os catamarãs

Bilheterias para os catamarãs

            A estação é bem bonitinha, a cidade é toda arrumadinha, até as paradas de ônibus são diferentes. Perguntamos em um bar onde ficavam as áreas para alugar os barcos. É bem fácil, seguindo em frente à estação de trem, você deve ficar do lado direito, onde ficam as agências, na média de PAR$ 60,00 por pessoa. Pegamos o primeiro quiosque, depois de uma rápida pesquisada, todos ficavam na mesma faixa de preço e escolhemos este por dizer que percorria 6 rios e também já estavam de saída. O passeio dura em média 1h e meia a 2 horas. Dividimos o passeio com dois casais, nós quatro e mais o guia, portanto 9 pessoas no barco. O guia ia explicando os atrativos e os rios em inglês e de vez em quando perguntávamos alguma coisa ele respondia em espanhol.

            Leve em conta todos esses quesitos básicos na sua escolha da agência.

As casas na beira do Rio Tigre

As casas na beira do Rio Tigre

            Na margem esquerda do rio, atravessando a ponte ficam os catamarãs, mais chiquetês, e cerca de PAR$ 200,00 por pessoa, não me lembro exatamente, mas custava mais ou menos isso, era bem mais caro que do outro lado.

            O pessoal usa o rio, como nós paulistanos costumamos “descer a serra” para a casa de praia, para casas de veraneio ou final de semana. Existem todos os tipos de casas, desde as mais simples até as luxuosas, e é bem interessante como o pessoal incorpora esse modo de vida ribeirinho,  pois não há outro meio de se chegar nas casas se não pelo rio.

Uma das muitas casas abandonadas

Uma das muitas casas abandonadas

            Cada casa tem seu píer particular, seu porto, vimos barcos “mercado”, posto de gasolina, barco “perua” que leva as crianças para escola, clube local, uma vida normal, só que a estrada é o rio. Quem não chega de barco, ou para uma rápida saidinha, tem o seu caiaque.

            Passamos também por construções bem bonitas, como o Museu de Arte de Tigre: ..

Museu de Arte de Tigre

Museu de Arte de Tigre

” MAT: Museu de Arte de Tigre

O edificio foi construído em 1909, antes de serem qualificadas em sua totalidade em 1927. Consistiu de um prédio de 2 andares que abrigaria o Clube Tigre, funcionava como um ponto de encontro da alta sociedade, e incluiu um pequeno casino. O edifício é de estilo francês, colunas, arcos e detalhes de flores, folhas de louro e carvalho como símbolos de força e de glória. Hoje é um museu, onde pode visitar as várias salas, com arte argentina dos séculos XIX e XX, pinturas de artistas renomados como Quinquela Martín, Eduardo Sivori, Florencio Molina Campos, Lynch Justo, Pallière, entre outros, e objetos que contam a história do edifício e do tigre dos anos 30. retirado daqui

Museo Casa, Domingo Faustino Sarmiento

Museo Casa, Domingo Faustino Sarmiento

            Também pelo Museo Casa, Domingo Faustino Sarmiento

…” Descripción:

Se conserva la casa que el prócer hizo construir en la segunda mitad del siglo XIX equipada con muebles originales. En el pabellón anexo se encuentra la Biblioteca Municipal “Paula Albarracín de Sarmiento” y una muestra fotográfica histórica de la evolución de islas a las que tanto apoyo brindó el Presidente Sarmiento. En el predio hay antiguos árboles plantados por él mismo…” 

    E apesar de estar marcado que funciona de quarta a domingo, das 10:00 às 18:00 hs, nos disseram que estava fechada, apesar de ser uma quinta feira.

Um barco mercado

Um barco mercado

            Passamos por áreas onde passar um final de semana no Tigre como cabanas para alugar, para 4 pessoas, o final de semana, cerca de PAR$200,00, segundo informações do guia. Não sei se porque já estávamos cansados de andar pela cidade, ou pelo lindo dia ensolarado que pegamos, mas achamos bastante aprazível esta idéia de passar um final de semana descansando no Delta do Rio Tigre. Achei no site da prefeitura de Tigre,  algumas opções para hospedagem.

              Juro que na próxima vez vou pensar com bastante carinho nesta possibilidade…

            Na volta,  as adolescentes já avistaram o Parque de La Costa, e perguntando para o guia, ele disse: “Então deixo vocês lá, não precisam voltar até o píer”… e assim, de repente, resolvemos dar uma passeadinha pelo Parque . Assunto do próximo post da série de Buenos Aires…

Para conhecer um pouquinho mais de Buenos Aires leia nossos outros posts:

Como foi se hospedar pelo AirBnB

Recoleta e a Livraria El Atheneo

Transporte público em Buenos Aires

Centro e San Telmo

Villa Crepo

Palermo

Parque de La Costa

Share this:
Share this page via Email Share this page via Stumble Upon Share this page via Digg this Share this page via Facebook Share this page via Twitter

3 Comments on “Buenos Aires- Rio Tigre

  1. BUENOS AIRES ARGENTINA,Oi pessoal,eu soy motorista do taxi acreditado en turismo,meu nome es nestor angel fenandez ,temos otimos precos desde translados do aeroporto ao hotel com os passeios que vcs tem em buenos aires caso tenho interesse em pesquisar precos,desde translados do aeroporto ao hotel com os passeios,zoo lujan , city tour show do tango con desconto de asta un 40%,passeio do tigre en navio catamaran,festa gaucha en fazendas, cambio do reais o dolares por pesos argentino otima cota, e detalhes podem me add no face ou para alguma consulta que vcs estejam do eduvida, puede pezquizar aqui en navigem.com o en linkedin.com, google.com.las recomendaciones de mis anteriores clientes muitos agradecidos por meus servicios,
    vlwww.
    Face:https://www.facebook.com/nestorangelfernandez
    WhatsApp: +5491133373878
    nextel 54*628*4036
    nestor158_1@hotmail.com

  2. Pingback: Parque de La Costa

  3. Pingback: Villa Crespo e algumas informações do câmbio em Buenos Aires

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *